domingo, 5 de setembro de 2010

Las horas perdidas

Hoy platico con las horas perdidas. Vivo en el tiempo que nos correspondía y que dejamos pasar. Cuántas palabras
suspendidas en el viento, cuántas caricias reprimidas en un momento. Me has hecho daño, lo sé, pero no he podido olvidarte. Has fallado otra vez, por eso voy a macharme. Lejos de mí, tan cerca a la vez, reprimiendo el sentimiento que nos tiene al revés. Cerca de mí para volverme a tener, te aseguras mi amor para irte otra vez. Hoy respiro el mismo aire que tú pero no junto a ti. Vivo en la mentira que hoy es nuestra realidad. Cuántas ilusiones veo morir en un momento, creyéndote mío aunque sé que no te tengo. Sigo creyendo tus mentiras porque suenan muy bien. Pero veo la realidad: el amarme de lejos ya no te funcionará.


Aprendi

que amores eternos podem acabar em uma noite, que grandes amigos podem se tornar grandes inimigos, que o amor sozinho, não tem a força que imaginei, que ouvir os outros é o melhor remédio e o pior veneno, que a gente nunca conhece uma pessoa de verdade, afinal gastamos uma vida inteira para conhecer a nós mesmos, que os poucos amigos que te apóiam na queda, são muito mais fortes do que os muitos que te empurram, que o "nunca mais" nunca se cumpre, que o "para sempre" sempre acaba, que minha família com suas 1.000 diferenças, está sempre aqui quando eu preciso, que ainda não inventaram nada melhor do que colo de mãe desde que o mundo é mundo, que vou sempre me surpreender; seja com os outros ou comigo, que vou cair e levantar milhões de vezes, e ainda não vou ter aprendido tudo.

Fico tentando decorar

(...) o que eu vou dizer quando a gente se encontrar e quando eu ver você, mas as palavras vão faltar e eu vou ficar fingindo que não é nada demais. Eu sei que vou te abraçar e dizer que eu sofri estando em todo lugar mas sem você aqui, mas não vou poder explicar, todo esse tempo longe só me fez te querer mais. Desse lugar a gente pode enxergar a mais distante das estrelas, nesse lugar ninguém jamais vai nos achar...

sábado, 4 de setembro de 2010

Katy Perry - Teenage Dream (German Commercial)

Confesso que achei meio que,digamos "tosquerinha total" e ela em algumas partes com super hiper mega peitões que no momento não vem a realidade.
Mas tudo bem,aquele sapato vermelho aos 01:02 #SALVA! HA HA HA




- Believe it or not, we love you Katy! GO KATY,GOOO!

A terrra girando como pouca gente viu

Você já percebeu que a Terra gira? Se nunca percebeu, o vídeo abaixo mostra o que acontece com nosso planeta, usando o recurso time lapse. O astronauta estava na Estação Espacial Internacional.



Bacana né? ( Via O buteco da net )